Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

Os 45 anos do padrinho

Sim, O Poderoso Chefão completou 45 anos agora em março, e eu estou enrolando há um mês esse texto, logo, falemos de uma vez dos Corleones - até porque, vocês sabem, presente bloguinho ama um clichê cinematográfico. Devo confessar que não simpatizava com os mafiosos de Nova York quando mais nova, achava-os qualquer coisa menos lendários, só que aí - só que aí!!! - me caiu às mãos o livro do Mario Puzo, irmãozinho... e eu não estava preparada. A história é machista, feita por homens e basicamente para homens? Uhum. Mas, como sou uma familióide sentimental gravíssima, há tempos diagnosticada, acabei achando uma brecha para uma paixão arrebatadora. Don't ever take sides against the family again, seu fiadaputa!
Devorei as famigeradas páginas após ter visto a trilogia, por isso foi meio impossível não associar Vito Corleone a Marlon Brando, Michael Corleone a Al pacino, Kay Adams a Diane Keaton, Tom Hagen a Robert Duvall (brilhante, por sinal!), e por aí vai. Os mais puristas talvez c…

TPM - Triagem de Pensamentos Maléficos

Ai, pelo amor de Deus, nunca vou curtir essa página ridículaaaaaaaaaa, sai daqui!! Fuja! Odeio esse programa de vocês, é horrível, nunca vou recomendar isso. Putz, e essa cólica? Parece que tão dançando flamenco na minha barriga, pode mais, pode doer muito mais, DÓI MAIS CARALHA, EU AGUENTO!! Ah não, lá vem a creiça de novo citando Zack Magiezi com essas selfies aleatórias do nada... será que não tem ninguém mais pra citar nessa merda? Que saudade do Caio Fernando Abreu, porque, convenhamos, desse ainda os textos tinham um começo, um fim, uma lógica... esse não, tipo, são umas afirmações... hum... ''ela é daquelas que não suporta mentira''. Dãã, hein? Jura, amore? Ela gosta de abraços apertados e jeans com lycra. UAU, GÊNIO, MARAVILHOSO, LANÇA UM LIVRO. Não aguento mais esse cara e nem sei quem ele é. Notas sobre ela, notas sobre ela, notas sobre elazzzzzz... nota a minha mão na tua cara aqui, sua chata. Falando em livro, e o teu romance, hein, Bruna, sua cretina podr…