quarta-feira, 24 de abril de 2013

Seu riso & você

A risada internética escrotizou de vez  mudou ao longo dos anos, não é mesmo? Eu acho uma graça dispensar atenção a como os risos alheios têm se manifestado na rede, uma vez que sou desocupada o bastante para tanto. Do simplório ''hahaha'', que já foi deveras usado - e reafirmado como onomatopeia máxima da comicidade de determinada questão - passamos a usar variantes curiosas, como se o tal não fosse suficiente para expressar o quanto estamos rindo. Bom, falo por mim, não uso, acho econômico demais, exceto quando eu quero ser debochada sem ferir os sentimentos do meu interlocutor protocolar ou, claro, quando estou falando com o meu chefe. Beijo pro RH! Sou adepta mesmo é dos esdrúxulos, tipo aquele "caindo da escada, bêbado de vodka" AEHAUEHAIEHAUEH ou aquele ''deixei meu priminho de 3 anos mexer no teclado" KLSKLJYAKÇOPUAKSDLSDKAÇ, que é pra coisa ganhar uma conotação risível meeeesmo. Tem quem ria com aquele do "cachorrinho engasgando e sofrendo de bronquite" HUAHUHAUHUAHAUHA - esse eu não curto, sei lá, parece que latindo. Enfim, tem para todas as criatividades e retardos, mas devo confessar que admiro os entusiastas do econômico lá de cima: vocês, sim, são elegantes. Podem estar tendo convulsões de tanto rir, em frente ao computador, mas vão sempre se sair com um comedido hahaha. Há quem se contente com um singelo hehehe. Não consigo compreender. Por outro lado, há os fãs de um bom kkkkkkkkkkkk - esse eu acho brega num nível ''uso calcinha bege e pochete", mas não há como negar que facilita nosso trabalho em momentos de preguiça. Aperta a tecla K e manda o recado do mesmo jeito, ainda que de forma bem imbecil. O rs também funciona, claro, mas, geralmente, é mais um constrangimento que uma manifestação de riso, néãm?
Bueno, tudo muito lindo, tudo ótimo, agora... não vem rir com haha pra mim. Tudo menos um haha. Quer dizer, você não se prestou nem mesmo para escrever três has pra mim, é isso? Qualé? Podia ter rido com um hehehe, né, que ainda tem uma simbologia safadinha. Esse haha é malicioso ou é uma obrigação? - tipo, que eu digo pr'essa mina? Nem vem com haha, enfia seu haha no meio do seu orifício anal cachorrinho com bronquite. Não sei expressar meu desprezo por esse haha... meu, isso é quase um bocejo, certo? Me chama de escrota quatro-olho mongolona otária qualquer coisa, mas não me responde com haha, eu imploro. Prefiro que diga que chorando. De vergonha alheia.      







2 comentários: